Demora para liberação do auxílio emergencial é alvo de criticas

23 abr, 2020 • Acontece, Destaque, Telejornal

Muitas pessoas estão ainda na expectativa da liberação do auxílio emergencial. Elas relatam problemas com o cadastro e no recebimento do primeiro lote do beneficio.

Na noite desta quarta, o Ministério da Cidadania, um dos órgãos responsáveis por analisar os cadastros dos beneficiários, reconheceu que ainda há pessoas sem receber o primeiro lote e cancelou a antecipação do segundo repasse, previsto para esta quinta. A ideia é completar o atendimento da primeira parcela e anunciar o calendário de pagamento da segunda, já que muitos ainda aguardam a aprovação do pedido no sistema.

Na última segunda-feira, o presidente da Caixa Econômica Federal Pedro Guimarães, afirmou que mais de 40 milhões de pessoas se cadastraram para receber o benefício, mas o Dataprev informou os dados de apenas 13 milhões.

Com todo esse turbilhão de datas e informações que mudam a cada momento, muitos estão formando enormes filas nos bancos da Caixa em busca de orientações.
Ainda na segunda-feira (21), a Dataprev divulgou uma nota afirmando que o órgão e o Ministério da Cidadania estão analisando os cadastros em três lotes. O terceiro e último seria finalizado na última terça-feira (21), contudo, diante de manifestações pela população, as solicitações “em análise” continuam até está quinta-feira.

A Caixa Economica Federal chegou a emitir nota á imprensa informando que o cidadão deve aguardar o resultado da avaliação efetuada pela Dataprev, instituição do Governo Federal responsável por verificar se o trabalhador cumpre todas as exigências previstas na lei.

Consta ainda na nota que o banco efetuará a liberação dos recursos em até 3 dias úteis após o recebimento das informações pela Dataprev, para os cidadãos que tiverem o direito ao benefício reconhecido. Diante, o que resta para a população é aguardar.

Comentários

Posts Relacionados