3

GOVERNADOR INAUGURA NOVO FÓRUM DE CARATINGA

9 dez, 2016 • Destaque, Telejornal

Foi inaugurado nesta quarta-feira (7), o novo Fórum da Comarca de Caratinga. A cerimônia teve a participação do Governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel e também do Presidente da Assembléia Legislativa de MG, Adalclever Lopes. O Juiz e Diretor do Foro, Consuelo Silveira Neto, destacou a importância da construção de um novo e moderno prédio para o poder judiciário da Comarca de Caratinga. O Magistrado também citou que o Fórum irá contar com um Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania. O Cejus concentra audiências e sessões dos projetos de conciliação e mediação desenvolvidos pelo Poder Judiciário mineiro, que visam a pacificação social, a solução e a prevenção de litígios. Integram o Cejus iniciativas bem-sucedidas, como as Centrais de Conciliação, o Projeto Mediação, o Magistrado Conciliador, o serviço de conciliação dos Juizados Especiais Cíveis, os Juizados de Conciliação, os Postos Avançados de Conciliação Extra Processual (Pace), o Setor Processual de Solução de Conflitos e o Serviço de Atendimento ao Cidadão (Seac).
O novo Fórum abriga o Arquivo Judiciário e o Juizado Especial, que antes funcionavam em um espaço alugado no centro de Caratinga.
O prédio conta com seis andares e no futuro poderá receber novas varas de justiça. A obra foi elogiada pela OAB de Caratinga, por advogados e pelo Coordenador da Faculdade de Direito da FIC, Faculdades Integradas de Caratinga, Oscar Alexandre Moreira. O Diretor-Presidente da Rede de Ensino Doctum destacou que o novo Fórum é um marco na história da cidade. Cláudio lembrou que os alunos da FIC fazem estágio no Poder Judiciário de Caratinga e que agora poderão se beneficiar do novo espaço.
Durante a Cerimônia, alunos e professores da Escola Estadual Monsenhor Rocha de Santa Bárbara do Leste fizeram uma manifestação do lado de fora do prédio. Eles pedem urgência do Governo do Estado para a construção de uma nova escola. Atualmente as aulas são ministradas em garagens e em espaços cedidos por uma igreja católica de Santa Bárbara.
Carregando faixas e cartazes, funcionários do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora também cobraram verbas para que a Unidade de saúde não seja fechada. Eles fizeram um apitaço durante o pronunciamento do Governador.

Comentários

Posts Relacionados