FAMÍLIA DE JOVEM QUE MORREU APÓS DAR ENTRADA NO PAM RELATA DEMORA NO ATENDIMENTO DE PROFISSIONAIS DA UNIDADE DE SAÚDE

1 dez, 2016 • Sem categoria •

O jovem Luís Fernando Gomes, de 21 anos, deu entrada no Pronto Atendimento Microrregional em Caratinga por volta das 16h do último domingo (27). O pai dele afirmou que os profissionais do hospital não foram ágeis no atendimento do filho.

Tristeza é a palavra que descreve o dia desta família do distrito de Patrocínio, em Caratinga. A morte do jovem Luis Fernando Gomes, de 21 anos, ainda não tem causa definida por parte dos atendimentos que foram prestados pelo PAM. José Gomes Carvalho, pai do rapaz, contou detalhes do último dia de vida do filho dele. Sempre alegre, Luís passou a manhã de domingo jogando baralho com o pai. De tarde, ele se reuniu com a mãe e mais alguns irmãos e foi se divertir em uma cachoeira da região. Foi neste local que Luís começou a sentir dores na região do peito. O pai afirmou que o transporte do filho até o hospital foi rápido, e o garoto chegou a dar entrada no Pronto Atendimento Microrregional em Caratinga ainda consciente, porém, não foi atendido com rapidez. Após algum tempo, ele sofreu um desmaio. O garoto apresentou os sintomas por volta das 15h e, segundo a família, antes das 16h já estavam no Pronto Atendimento Microrregional. O pai afirmou que somente após o filho ter desmaiado é que os funcionários do hospital o colocaram em uma maca e o levaram para a internação. Aproximadamente às 18h, a família recebeu a notícia do falecimento de Luís. O corpo do jovem foi sepultado por volta das 19h desta segunda-feira (28). Entramos em contato com a direção do PAM e com o Departamento de Comunicação da Prefeitura de Caratinga para saber o motivo da morte do rapaz, mas até o momento não tivemos algum parecer.

 

Comentários

Posts Relacionados