15110921_1122680327781048_5966190398461504559_o

MAUS TRATOS A ANIMAIS

17 nov, 2016 • Destaque, Telejornal

Seis pessoas foram presas em Entre Folhas acusadas de maus tratos a animais. Após receber denúncias anônimas de que um grupo de pessoas estava promovendo uma rinha de galo, Equipes do 5º Pelotão de Meio Ambiente, com apoio da Policia Militar Rodoviária e do Policiamento Ostensivo das cidades de Vargem alegre e Entre folhas realizaram abordagem a uma residência rural, onde supostamente estaria ocorrendo uma rinha de galos com apoio.

Quando os policiais chegaram ao local, várias pessoas que tinham aves na rinha correram. Essas pessoas estariam realizando apostas, sendo então localizadas em meio ao matagal. Seis suspeitos foram presos.
Segundo a Polícia, ficou constatado que no quintal da residência haviam dois locais preparados para receber arenas, de aproximadamente 02 metros de largura e comprimento, com serragem espalhada pelo solo e próximo a estes locais havia uma espécie de arena construída de ferragem. A Polícia de Meio Ambiente também localizou diversos compartimentos, semelhantes a gaiolas de madeira, utilizados para aprisionar os galos, sendo encontrados dentro destes compartimentos, 20 (vinte) galos da raça “índio”, dos quais dois galos estavam visivelmente feridos. Os militares apreenderam ainda, dentro de uma bolsa, diversos materiais utilizados na pratica do crime, tais como esporas, bicos de aço, e medicamentos.
As aves foram encaminhados a medica veterinária, a qual atestou que estavam gravemente feridos com lesões nos olhos e ferimentos no pescoço. Os galos também estavam com a temperatura elevada e apresentavam tumores. O art. 32 da Lei 9.605/98 prevê pena de detenção de três meses a um ano e ainda multa para quem abusar, maltratar e ferir animais domésticos.
O governador Fernando Pimentel sancionou neste ano, a lei 22.231/16, que passa a punir com multa de até R$ 3 mil quem comete maus-tratos contra os animais em Minas Gerais. Os valores previstos na norma serão aplicados, além das sanções previstas no código penal, que podem levar à prisão aqueles que maltratarem os bichinhos.

Comentários

Posts Relacionados