15027831_1122777924437955_3863498967797955812_n

A MÚSICA DE TUNAI QUE FALA POR SI SÓ: CANTOR, COMPOSITOR E ARRANJADOR PARTICIPA DE ‘PROGRAMA SONORA’, NA DOCTUM TV

17 nov, 2016 • Destaque, Telejornal

Ele diz que a carreira musical dele começou mesmo em 1979, com a gravação de ‘As Aparências Enganam’, por Elis Regina, que teria aberto as portas definitivamente para ele viver daquilo que ele mais ama na vida: a música. O cantor e compositor Tunai contou isso e muito mais para os telespectadores da DOCTUM TV em uma participação especial no Programa Sonora, apresentado por Nathan Vieira.

“Ouvindo muito, lá em casa, desde pequenino…”, é assim que Tunai, cantor, compositor e arranjador, define sua relação com a música. Ou, melhor, o início dessa relação. Foi ainda criança que ele se arriscou nas primeiras notas musicais, vendo o som brotar na própria casa – a mãe era criadora e participante de um grupo de seresta; a irmã tocava violino e o irmão, piano.
De casa o hábito foi à praça. Tanto que ele e o irmão – João Bosco – trilharam por esses caminhos. E Tunai já está neles há mais de 30 anos. São mais de três décadas dedicadas à carreira musical.
Tunai é um ícone da MPB. Uma prova disso? Ele tem um apanhado de composições com interpretações de Elis Regina, inclusive, ele disse que a vida musical dele começou mesmo em meados de 1979, com ela. A parceria com Elis, por sinal, é algo ainda bem vivo na memória do músico. Tunai conheceu a Pimentinha quando ainda tinha 14 anos, após vê-la em um show. A união musical dos dois daria não só o pontapé inicial, mas ainda alavancaria a carreira dele, formado em Engenharia, e deixaria as melhores lembranças.
O estilo, o som dele teve grandes influência do baile, que segundo ele, é a maior escola que ele poderia ter tido. Como compositor, ele teve muitas canções interpretadas pelos mais diversos artistas.

Comentários

Posts Relacionados