alimentos-organicos-ou-tradicionais-650x350

Rede Leste de Bancos de Alimentos e Embrapa iniciam Projeto de Redução para Minimização de Perdas e Desperdício de Alimentos no Leste de Minas

27 nov, 2015 • Destaque, Jornal Regional

Um projeto feito em parceria entre a Embrapa e a Rede Leste de Banco de Alimentos, a RELBA, reuniu 16 municípios que compõem a região para diminuir perdas e o desperdício de alimentos.

O objetivo  do projeto é mapear os processos produtivos junto aos agricultores familiares e produtores rurais, identificando as  principais causas das perdas de alimentos. Além disso, serão propostas ações de conscientização e implantação de tecnologias para melhorar o aproveitamento da produção, do transporte, da comercialização e do consumo.

Nesta sexta-feira um reunião com os gestores das cidades que compõem a RELBA foi realizada na Escola Estadual Isabel Vieira, no bairro das Graças em Caratinga. O secretário geral da Rede, João Paulo de Paiva Ramos, nos contou como projeto trará benefício para a cidade e para a região, levando tecnologias para que o produtor possa melhorar sua produção e evitar a perda de produtos ainda no plantio e cultivo, além da embalagem, distribuição e orientação dos consumidores, entre eles escolas, hospitais, para que se utilize melhor os produtos evitando o disperdício.

A duração deste projeto é de 3 anos. Durante este período acontecerão várias ações como dias de campo, seminários, produção de programas de televisão e rádio. Toda esta produção será realizada na região com contratação de empresas locais nas 16 cidades. Além disso, haverá a participação de parceiros como a Associação dos Produtores Rurais de Dom Modesto e da Escola Estadual Isabel Vieira, representada diretor Vagner Aquino Zeferino que durante os três anos do projeto servirá de base para ações de educação alimentar e conscientização dos jovens.

Os organizadores descrevem o projeto como um dos maiores marcos nas áreas de Segurança alimentar. Segundo a administração municipal de Caratinga, a união das prefeituras para abraçar o projeto trará benefícios futuros para todas as comunidades.

 

Comentários

Posts Relacionados