agua gv

Governador Valadares lança campanha e conta com a solidariedade para doação de água

12 nov, 2015 • Destaque, Jornal Regional, Telejornal

Com o abastecimento de água interrompido há dois dias em Valadares, em função da tragédia ambiental nas barragens de rejeitos da Samarco em Mariana, MG, que chegaram ao leito do Rio Doce, algumas regiões da cidade já começam a sentir a falta d´água. A situação, já decretada pela prefeita Elisa Costa, é de calamidade pública.

Não há como prever, ainda, a duração da passagem da lama pela cidade. Ou, também, quando os níveis da turbidez e de ferro na água baixarão e permitirão que a água volte a ser captada e tratada. Precisamos nos apoiar e ser solidários. O abastecimento provisório por caminhões-pipa não atende a toda a população valadarense, que chega a 280 mil habitantes. Escolas, unidades de saúde, hospitais e abrigos tem prioridade.

Informações: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Governador Valadares

rio doce 1 rio doce ponte queimada agua gv

 

 

Comentários

Posts Relacionados