95

7 out, 2016 • Destaque, Telejornal

POLÍCIA CUMPRE MANDADOS DE PRISÃO E CONSTATA QUE CANDIDATO FOI MANTIDO EM CÁRCERE PRIVADO E ELEITORES FORAM COAGIDOS, EM MATIPÓ

Três mandados de prisão e de busca e apreensão em Matipó foram cumpridos por equipes da Polícia Civil da 6ª Delegacia Regional de Polícia Civil, nesta quarta-feira, 5 de outubro.Os mandados foram solicitados à Justiça da Comarca de Abre Campo, a partir das investigações do caso que envolveu três policiais militares de Belo Horizonte. Os militares foram presos na quarta-feira passada, dia 28 de setembro. Eles estavam na cidade em um carro preto e armados. O veículo tinha sido alugado na capital mineira e estava com as placas adulteradas. Os policiais foram acusados de ameaçar candidatos e eleitores. Com eles foram encontradas armas de fogo e toucas ninjas. Dois inquéritos foram abertos, um na Justiça Militar e outro civil. Durante as investigações apurou-se que foram feitos vários contatos entre os militares e pessoas influentes de Matipó. Segundo a Polícia Civil, Gustavo Mendes Ludgero Alves foi preso e duas pessoas estão foragidas: Júlio César Bifano Magalhães Pessoa e Tiago Souza Alves. Apenas um dos investigados foi localizado, os outros não foram encontrados. Foram apreendidos diversos objetos e aparelhos que serão periciados

.A polícia constatou que um candidato foi mantido em cárcere privado e eleitores foram coagidos, como consta nos autos”. Os militares foram levados para os batalhões de Manhuaçu, Governador Valadares e Ipatinga, onde aguardam uma decisão da justiça. Gustavo foi encaminhado para o presídio de Abre Campo. Júlio César e Thiago continuam foragidos.
Informações portal Caparaó

 

 

Comentários

Posts Relacionados