foto terreno

Prazo de 180 dias: Prefeitura de Caratinga inicia obras da capela velório

9 ago, 2013 • Destaque

Depois de algumas polêmicas e atrasos no início da construção da capela velório de Caratinga, a obra de construção da capela velório foi iniciada nesta quarta-feira, 7. Por enquanto a obra está no processo de terraplenagem. Um trator está nivelando o terreno e acertando a rampa de acesso para a futura capela. O projeto inicial, revelado pela empresa responsável pela obra, sugere que cinco capelas sejam construídas em um terreno de aproximadamente 230 metros quadrados. Edmilson Soares, Diretor da Elo Construtora, informou que o espaço vai contar com cantina, banheiros e área reservada para as famílias, no momento de cada velório. O diretor disse que o projeto pode sofrer alterações. “Existe um pensamento de às vezes diminuir para três capelas com tamanhos maiores, mas isso ainda não foi definido. Está sendo definido entre o governo e a MAC (Movimento Amigos de Caratinga), que é quem foi a idealizadora do projeto. Em área construída ela vai ser do mesmo tamanho” completou o Edmilson.

O prazo para a entrega é de seis meses. O prefeito de Caratinga, Marco Antônio Junqueira, aproveitou para explicar os motivos que impediram o começo da obra. Junqueira, disse que ele e os governos anteriores trabalharam para que a capela fosse instalada próxima ao cemitério municipal, mas que o projeto esbarrou na falta de opções de área. “já há muitos anos tem essa polêmica. Eu me lembro que nos governos passados, a tentativa de se fazer lá na Rua da Cadeia, na praça, a comunidade foi contra. Tentamos localizar dentro do próprio cemitério alguma área prá poder abrir espaço. Durante muito tempo nunca avançou nisso. O último prefeito, por decisão dele, fez o projeto, conseguiu através dessa emenda do deputado trazer prá qui, então nós estamos herdando todo um processo. A gente entende realmente que há uma distância do cemitério, mas a gente entende também que Caratinga não pode mais tolerar esperar”, lembrou Marco Antônio.

Junqueira também afirmou que o dinheiro repassado pela Câmara Municipal de Caratinga, cerca de 100 mil reais, no final do ano passado para a construção da capela foi utilizado na gestão passada de João Bosco Pessine/PT. O atual prefeito afirmou que, com uma emenda do Deputado Estadual, Adalclever Lopes, a obra no valor de R$ 400.000 poderá ser executada.

Comentários

Posts Relacionados