supermercado 4

Furtos e produtos danificados geram prejuízo de quase 5 bilhões de reais em supermercados de todo o Brasil

30 ago, 2013 • Cidades

Um estudo feito em 214 supermercados de todo o país, revela que os prejuízos com furtos e perdas de produtos quebrados ou manipulados de forma inadequada chegam a R$ 4,74. O número equivale a 1,95% do faturamento anual do setor. A pesquisa foi feita pela Associação Brasileira de Supermercados.

Para o empresário do setor de Caratinga e Vice-Presidente Regional da Amis, Associação Mineira de Supermercados, Ary Soares da Silva, a perda total em seu estabelecimento chega à 1,80% em média.

SUPERMERCADO (1)Ary acredita que o prejuízo seja difícil de ser evitado, inclusive durante o transporte das mercadorias. “Os produtos vêm de longe, que já chegam aqui de Belo Horizonte e São Paulo algumas frutas, aí já chegam aqui danificado. Agora, é preciso preparar mais as embalagens, adequadas para trazer esses produtos. Então, agora está vindo mais embalada e a tendência é diminuir a perda um pouco”, afirmou Ary. Os prejuízos em padaria, açougue e frutas e verduras podem chegar em 50% do total das perdas.

Em todo o país, as quebras operacionais, que são os produtos danificados pelos clientes, validade vencida, embalagens vazias, sendo o conteúdo furtado, representam 33,4% do total das perdas. Em muitos casos, os produtos danificados são devolvidos e o prejuízo é dividido em conjunto com a indústria.

No setor de hortifrúti dos supermercados é comum ver consumidores apertando forte verduras e frutas. A falta de cuidado pode representar quedas dos alimentos no chão. O resultado nas prateleiras são legumes e frutas pouco vistosas, ficando rachadas e escuras, impróprias para o consumo.

SUPERMERCADO (3)Gerli Rodrigues Moreira está atenta à qualidade dos produtos. “olho a cor dele. Uma verdura, por exemplo, você pega assim, você vê se ela está velha, amarelada” disse a aposentada.

Segundo o vice-presidente da associação mineira de supermercados o número de furtos é pequeno. Uma equipe de seguranças é treinada para que eles não aconteçam. O supermercado investe também em câmeras de monitoramento.

Comentários

Posts Relacionados